Diversidade e determinação marcam Festival Interestadual de Capoeira

Evento contou com apoio da Superintendência do IPHAN no Paraná e foi realizado em Cascavel

Recentemente, Cascavel recebeu capoeiristas de todo o Paraná, que participaram do Festival Interestadual de Capoeira, organizado pelo Mestre Mestrinho, do Grupo Capoeira- Arte & Luta. O evento contou com apoio do Iphan Paraná – Instituto do Patrimônio Histórico, Artístico Nacional, da Prefeitura Municipal de Cascavel e do SESC – Serviço Social do Comércio, e teve como objetivos promover e fortalecer a capoeira no país, registrada como patrimônio cultural brasileiro em 2008.

O festival, que comemora 33 anos, contou com a presença dos mestres Dea do grupo Kauande Capoeira, Xandão, Xandinho, Silveira da Capoeira Praia de Salvador, de Curitiba; de Matinhos marcaram participação os contramestres Danilo e Lidiomar Lontra, e o mestre Saruê, do Grupo Zoeira Nagô, e do mestre Praia. Ainda, prestigiaram o festival representantes dos municípios de São Pedro do Iguaçu, Vera Cruz do Oeste e Toledo.

No evento, foram graduados mais 100 alunos, entre crianças, jovens e adultos, de todos os segmentos sociais, das APAES, escolas públicas municipais e academias de capoeira. Com o apoio do Iphan do Paraná, o festival custeou a vinda dos colaboradores que realizaram as oficinas, ação de fortalecimento do grupo e de troca de conhecimento entre os capoeiristas. A organização do evento presenteou os participantes com camisetas e pastas.

Segundo o mestre Mestrinho, coordenador do encontro, no próximo dia 15 de dezembro acontece a última edição do festival deste ano. Para ele, o evento pode ser definido com apenas uma palavra: diversidade. “A diversidade é referência”. O contramestre Xandinho considerou que o festival foi marcado pela determinação. “Os paranaenses são muito determinados”, destacou.

Durante o festival, o historiador Juliano Martins Doberstein, do Iphan do Paraná, fez uma palestra abordando a capoeira como patrimônio cultural brasileiro. Na programação também foi realizada uma reunião do Comitê Gestor da Salvaguarda da Capoeira no Paraná e do Iphan Paraná, na sede do SESC. De acordo com Doberstein, o comitê, composto por 11 capoeiristas de diferentes regiões do estado, foi formado em novembro de 2012, durante a realização do I Seminário de Patrimônio Imaterial e Cultura Afro-Brasileira, com o objetivo de colaborar com o Iphan na gestão de ações, que visem à promoção e ao fortalecimento da capoeira no país. No calçadão da Avenida Brasil aconteceu a roda de capoeira.

A programação do festival foi encerrada com o batizado e formatura dos alunos, realizada no Centro Cultural Gilberto Mayer, no centro da cidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Texto: Ana Maria Ferrarini

Fotos: Zinho Gomes

Novo Conceito Assessoria em Comunicação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s