Oficinas de educação patrimonial no Programa Mais Educação

A Superintendência do Iphan no Paraná irá promover, durante os meses de fevereiro e março, oficinas para educadores da rede pública de ensino de Paranaguá com base nas pesquisas sobre o patrimônio cultural local. A ideia é sensibilizar os educadores para a formação de agentes multiplicadores do enfoque Educação – Patrimônio. As oficinas têm como objetivo proporcionar a reflexão sobre noções de patrimônio cultural, identificar patrimônios do litoral paranaense, debater sobre formas de preservação e sugerir ações educativas a serem trabalhadas no dia a dia escolar.

mais_educacao_pgua_2

Com esse conhecimento, os próprios professores, na volta às aulas, podem estimular seus alunos a realizarem a identificação e o registro do que eles próprios consideram como um bem cultural da região onde vivem, construindo uma noção ampla e compartilhada do que é o patrimônio cultural. Após esse trabalho, as escolas que se interessarem podem desenvolver atividades na linha de Educação Patrimonial através do Programa Mais Educação.

O objetivo do Mais Educação é incentivar e dar apoio para as escolas realizarem inventários do patrimônio cultural local. Assim, os alunos poderão produzir vídeos, fotos, áudios e textos sobre a história da cidade onde vivem, suas vivências, festas, celebrações e demais manifestações culturais.

Em Paranaguá, serão organizados 3 encontros, com 8 horas de duração cada. Os dois primeiros acontecerão nos dias 19 e 21 de fevereiro, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação. Uma terceira oficina acontecerá de 19 a 21 de março (data a confirmar) voltada para alunos da FAFIPAR. As vagas são limitadas.

Serviço

Oficinas de Educação Patrimonial – Programa Mais Educação
Data: 19 e 21 de fevereiro
Local: Auditório do Núcleo Regional de Educação – Paranaguá

Mais informações: Iphan /Paraná – (41) 3264.7971

Educação Patrimonial no Mais Educação

Uma parceria firmada em março de 2012 entre o Ministério da Educação (MEC) e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) está levando para escolas estaduais e municipais de todo o Brasil uma linha de ação na área de Educação Patrimonial. A partir de uma concepção de Educação Integrada em tempo integral, base do programa Mais Educação, pretende-se envolver a comunidade escolar no reconhecimento e preservação do patrimônio cultural. A ideia é que a própria comunidade realize um inventário do que valoriza e compreende como um bem cultural local.

Além de material didático para introduzir e apoiar as atividades de educação patrimonial, cada escola que participa do projeto recebe um kit do MEC para a realização de um inventário. Dependendo da necessidade de cada escola o kit pode conter máquinas fotográficas com a função filmagem; gravadores de áudio digital (MP3); HD externo; tripé de câmera; cartucho colorido de impressora ou apoio para serviço de impressão; fichas para o inventário, além de um montante em dinheiro como apoio para as saídas de campo e para produção de exposições, encontros, rodas de memória, mostras de filmes, entre outros.

Anúncios

Sobre Iphan/PR

Há mais de 60 anos, o Iphan vem realizando um trabalho permanente de identificação, documentação, proteção e promoção do patrimônio cultural brasileiro. A 10ª Coordenação Regional, atual Superintendência Estadual do Iphan em Curitiba, surgiu a partir da evolução do Escritório Técnico do Paraná, criado em 1984 e subordinado até 1990 à 9ª CR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s